10 Dicas: Renda Mensal x Lazer e Investimento

Uma boa estabilidade financeira é o que todo mundo procura (ou quase todos). Mas ao mesmo tempo, parece ser inconciliável aproveitar a vida e os momentos de lazer com os investimentos.
Da mesma forma que na nossa alimentação tudo é questão de equilíbrio, com o dinheiro e as finanças também. Dá sim para aproveitar as coisas boas desse mundo sem falir. Quem dá as dicas para conciliar isso tudo é Sérgio Tavares, diretor da STavares Consultoria Financeira.

Desconsidere parte do seu ganho
Sérgio aconselha “desconsiderar” parte do seu salário fixo para ter fôlego financeiro. Por exemplo: se você ganha mensalmente 10 mil reais, faça um orçamento baseado em 7 mil reais. Isso te ajuda a guardar dinheiro e se precaver para possíveis imprevistos.
Planilha
Outra dica é criar uma planilha para controlar os gastos fixos mensais. O que irá te dar mais controle para organizar o orçamento e não ultrapassar o seu limite.
Separe o dinheiro
Estipular uma parte do seu salário para o lazer e outra para o investimento também é uma boa solução. O ideal é fazer isso baseado na primeira dica de não incluir o orçamento todo do seu ganho mensal.
Observe seus gastos
Crie uma rotina semanal para acompanhar sua planilha de orçamentos e seu fluxo de caixa. Para ficar bem atento às entradas e saídas de dinheiro.
Planejamento
Na hora de viajar todo planejamento é válido. Calcule antes o quanto irá precisar para a viagem e poupe o dinheiro necessário.Sérgio também aconselha a escolher a forma de pagamento que menos prejudique seu orçamento.
De olho no cartão de crédito
Estabelecer uma meta de gastos mensais no cartão ajuda você a manter o controle da situação. Se já estiver perto de ultrapassar a meta, corte tudo que não for necessário, para não comprometer o orçamento.
Não se reprima sempre
A ideia é tentar conter os gasto excessivos, mas não é por isso que você não vai celebrar os momentos importantes e deixar de aproveitar a vida e as coisas que gosta. Mas, lembrando daquela máxima da alimentação de que tudo é equilíbrio; se num fim de semana você saiu e exagerou, no próximo, dê uma segurada e gaste apenas com o necessário.
Ofertas são bem vindas
Quando for ao mercado fazer compras, fique de olho nas ofertas. Além disso, quando for olhar um produto, como eletrodoméstico, eletrônicos, ou até móveis para casa, não compre na primeira loja que entrar. Faça uma comparação de preços em, pelo menos, três lojas. Muitas vezes, você encontra o mesmo produto em outra loja por um valor bem mais em conta;
Atenção no investimento
O especialista lembra que antes de você investir o dinheiro, deve verificar o tempo que pode ficar sem ele. Ou seja, quanto tempo pode deixá-lo aplicado sem a necessidade de retirá-lo para resgatar seu orçamento. Geralmente, quanto mais tempo você deixar o dinheiro aplicado, maior será a taxa de remuneração que o banco ou a corretora de valores pagará para o investidor.
Pés no chão
As metas são super importantes nesse processo de poupar dinheiro e fazê-lo render. Mas é fundamental que elas sejam atingíveis, para que você não se desmotive ao longo do processo. Elas devem ser realistas e alinhadas ao seu perfil e sobretudo, padrão de vida. Por isso, tenha disciplina e os pés no chão.
Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *